Votação pela internet elege animal símbolo de São Paulo

A Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente está convidando os paulistanos a escolher o animal-símbolo da cidade de São Paulo. Com base na última listagem de fauna silvestre, realizada pela Divisão de Fauna da secretaria, 700 espécies de animais vivem na capital, sendo 563 só de animais vertebrados.

Afra Balazina, Andrea Vialli e Rafael Moraes Moura, Com Ap, O Estado de S.Paulo

18 de junho de 2010 | 00h00

Para a escolha do animal-símbolo foram selecionadas 15 espécies, entre elas o pica-pau-de-banda-branca (foto), o tico-tico e a suçuarana. "É incrível que uma cidade como São Paulo tenha uma fauna tão rica. Queremos divulgar a presença deles e fazer com que as pessoas respeitem os animais com quem dividem o espaço", diz o secretário Eduardo Jorge.

"Eu estou dividido entre votar em um animal urbano, como o sabiá-laranjeira, que é onipresente na capital, ou mais silvestre, como a suçuarana", diz Jorge. Para votar, basta acessar prefeitura.sp.gov.br/biodiversidade. O vencedor será conhecido em outubro.

SUSTENTABILIDADE

Brasil pode reduzir em 37% emissões de CO2

O Brasil pode diminuir as emissões de gases-estufa em até 37%, entre 2010 e 2030, sem comprometer o crescimento econômico e a geração de empregos, mostra relatório do Banco Mundial. A redução equivaleria à retirada de circulação de todos os carros do mundo por três anos. Seriam necessários para isso investimentos de US$ 20 bilhões a mais por ano na implantação de políticas voltadas para um cenário de baixo carbono, como investimentos em transporte público, aumento de produtividade agropecuária e conservação de florestas.

CÓDIGO FLORESTAL

Lei catarinense fere Constituição, diz AGU

A Advocacia Geral da União (AGU) opinou de modo favorável pela procedência da ação direta de inconstitucionalidade , promovida pelo Partido Verde, em relação ao Código Ambiental de Santa Catarina. Segundo a AGU, o Código Ambiental de Santa Catarina (Lei estadual 14.675/2009) é inconstitucional. O PV sustenta que a lei afronta os ditames do art. 225 da Constituição Federal e colide com as normas estabelecidas no Código Florestal e na Lei da Mata Atlântica. Na quarta-feira, a AGU formalizou a entrega de seu posicionamento no Supremo Tribunal Federal.

ENERGIA

Suécia suspende moratória nuclear

Após 30 anos, a Suécia voltará a construir usinas nucleares. O Parlamento sueco aprovou ontem o fim da moratória nuclear por 174 votos a favor e 172 contra. A Suécia possui 10 reatores nucleares em operação, que fornecem 42% da energia do país. /

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.