Zelaya anuncia que parte na 5a para fronteira com Honduras

O presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, disse que partirá na quinta-feira de Manágua, capital da Nicarágua, em direção à fronteira hondurenha para tentar em algum momento entrar em sua terra natal, num desafio ao governo interino do país, que destacou soldados para prendê-lo.

REUTERS

22 Julho 2009 | 23h06

"Amanhã irei para três municípios fronteiriços de Manágua com Honduras", disse Zelaya na noite de quarta para a emissora Telesur.

"A ideia é cruzar (a fronteira), a ideia é falar com as pessoas... tentar cruzar", disse Zelaya, que foi deposto há três semanas.

Ele, no entanto, não afirmou quando tentará cruzar a fronteira.

(Reportagem de Iván Castro)

Mais conteúdo sobre:
HONDURAS ZELAYA QUINTA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.