Filho do governador de Goiás morre aos 40 anos

Foto: Reprodução Facebook

Ronaldo Ramos Caiado Filho faleceu na manhã deste domingo, 3; políticos e autoridades de diversos partidos lamentam perda

Por Lauriberto Pompeu
Atualização:

Continua após a publicidade

BRASÍLIA - Ronaldo Ramos Caiado Filho morreu neste domingo, 3, aos 40 anos. Seu pai é o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (União Brasil). A morte foi confirmada por meio de nota oficial, divulgada pelo governo do Estado. Políticos e autoridades de diversos partidos lamentaram a perda, cuja causa não foi divulgada.

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, e seu filho Ronaldo Ramos Caiado Filho
O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, e seu filho Ronaldo Ramos Caiado Filho Foto: Reprodução Facebook

“É com profundo pesar que comunicamos o falecimento de Ronaldo Ramos Caiado Filho, filho do governador Ronaldo Caiado e de Thelma Gomes. Ele morreu neste domingo, aos 40 anos. A família enlutada pede a todos orações para enfrentar este momento de imensa dor”, informa a nota.

Continua após a publicidade

O governador participou pela manhã, ao lado da primeira-dama, Gracinha Caiado, do encerramento da tradicional Festa do Divino Pai Eterno, em Trindade (GO). De acordo com informações do jornal O Popular, de Goiás, Caiado e Gracinha deixaram o evento às pressas depois de serem informados sobre a morte de Caiado Filho.

O Palácio do Planalto emitiu nota lamentando o falecimento. “O Governo Federal, por meio da Presidência da República, presta suas condolências ao governador de Goiás e a toda a sua família pelo falecimento de seu ente querido, Ronaldo Caiado Filho. O presidente da República roga a Deus que receba Caiado Filho em Seus braços e console o governador e toda a sua família, dando-lhes força e fé para superar esse difícil momento de suas vidas!”, informa.

Diversos políticos, como o presidente nacional do MDB, Baleia Rossi; o ex-ministro Ciro Gomes (PDT); o presidente do Senado Rodrigo Pacheco (PSD); o ex-governador de São Paulo João Doria (PSDB), o ex-ministro da Infraestrutura e pré-candidato do Republicanos ao governo de São Paulo, Tarcísio de Freitas; e o senador Jaques Wagner (PT-BA) se manifestaram nas redes sociais. Adversários políticos de Caiado, como o deputado e pré-candidato ao governo de Goiás pelo PL, Major Vitor Hugo; e o ex-governador Marconi Perillo (PSDB) também prestaram solidariedade ao governador.

reference


Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Publicidade