PUBLICIDADE

Ataque das Farc mata 12 militares na Colômbia

PUBLICIDADE

Um ataque da guerrilha Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) matou 12 militares na segunda-feira no leste da Colômbia, no pior revés para as Forças Armadas em vários meses, marcando um recrudescimento nas hostilidades promovidas pelo maior grupo armado do país. O ataque com metralhadoras, fuzis e explosivos aconteceu perto da localidade de Maicao, no Departamento de La Guajira, perto da fronteira com a Venezuela, onde militares realizavam patrulhas. Embora o grupo rebelde tenha sido debilitado por uma ofensiva militar apoiada pelos EUA, que resultaram na morte de vários comandantes nos últimos anos, a guerrilha continua tendo capacidade para realizar ataques de grande envergadura. No final de março, 68 guerrilheiros das Farc morreram em dois bombardeios realizados pelas Forças Armadas nos departamentos de Arauca e Meta, em meio à implementação de uma nova estratégia militar contra a guerrilha, com o objetivo de derrotá-lo ou forçá-la a uma negociação de paz. (Reportagem de Luis Jaime Acosta)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.