Conteúdo Patrocinado

Energia solar cresce rapidamente no Brasil

Enel X desenvolve projetos que impulsionam a transição energética e contribuem para a descarbonização

PUBLICIDADE

Por Enel X
Atualização:
3 min de leitura

O Brasil vive um momento de crescimento exponencial da tecnologia solar fotovoltaica, com a potência instalada praticamente dobrando ano após ano.

De acordo com a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), o setor atraiu mais de R$ 21,8 bilhões em investimentos no ano passado – tanto em grandes usinas de geração que disponibilizam a energia gerada ao sistema nacional quanto em pequenos e médios sistemas instalados em residências, pequenos negócios e propriedades rurais, para uso próprio – solução conhecida como Geração Distribuída.

Leia também

Há um motivo especial para que os brasileiros adotem a energia solar ainda em 2022. Quem ingressar no sistema ou tiver solicitado o ingresso até 7 de janeiro do ano que vem terá direito à manutenção, pelo prazo de 25 anos, do desconto nas tarifas de usos dos sistemas de distribuição, concedido atualmente pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) como incentivo à ampliação da energia limpa no País.

Continua após a publicidade

Enel X desenvolve projetos que impulsionam a transição energética e contribuem para a descarbonização Foto: Divulgação/Enel X

A Enel X atua como facilitadora da transição energética, fomentando o uso de energia verde, eficiente e segura entre seus clientes e parceiros comerciais, incluindo soluções sob medida de geração distribuída solar. “Oferecemos soluções tecnológicas que garantem uma gestão inteligente e sustentável do consumo energético, com controle de custos, previsibilidade e redução de impactos ambientais”, descreve Francisco Scroffa, country manager da Enel X Brasil. “Acreditamos que o futuro da energia é 100% renovável, e o Brasil pode liderar esse movimento.”

Enel X é a linha de negócios global do Grupo Enel dedicada ao fornecimento de energia e eficiência energética, com um portfólio de produtos e serviços de valor agregado para incentivar o uso de energia mais independente e sustentável.

Continua após a publicidade

A Enel Xatua em três frentes: B2B, com soluções inovadoras, integradas e altamente personalizáveis para clientes comerciais e industriais, de diferentes portes e setores; B2G, voltada à administração pública, com serviços integrados, soluções de conectividade e soluções digitais para cidades inteligentes e mobilidade elétrica urbana, além da iluminação pública e eficiência energética; e B2C, dedicada aos consumidores residenciais, com serviços desde instalação, manutenção e reparo domésticos até soluções para casas inteligentes, sempre pautadas pela busca da eficiência energética.

Maior parceria

Um exemplo da forte contribuição das soluções inovadoras da Enel X para a descarbonização é o recente acordo firmado com o Itaú Unibanco. Dez mil toneladas de CO₂ deixarão de ser emitidas, por ano, como consequência da parceria, que prevê o uso de energia solar em 1.557 unidades do banco em todo o País. Esse volume corresponde ao sequestro de carbono realizado por mais de 500 mil árvores– que, considerando-se a média de uma árvore por metro quadrado, ocupariam área equivalente a 100 campos de futebol.

Continua após a publicidade

“É uma parceria que reflete a afinidade de duas grandes empresas em direção ao mesmo objetivo, a descarbonização”, diz Scroffa. Trata-se do maior contrato já firmado pela Enel X no mundo, em Geração Distribuída, modalidade em que a energia elétrica é gerada no local de consumo ou produzida remotamente e compartilhada por clientes da mesma distribuidora.

Ao longo dos próximos 12 meses, serão construídas e colocadas em operação 46 usinas fotovoltaicas, com capacidade total instalada de 54,7 MWp, distribuídos por 14 Unidades da Federação, contemplando as cinco regiões do País. Os 75 mil painéis solares previstos equivalem ao total de painéis instalados até agora pela Enel X no Brasil, em 269 plantas, entre residenciais, comerciais e grandes usinas.

Além do fornecimento de energia limpa, a Enel X implementará o sistema UBM para o Itaú Unibanco. Esse sistema digitaliza a gestão de pagamentos, organizando em uma plataforma única todas as informações sobre contas de prestadoras de serviços. Permite, ainda, o acompanhamento detalhado de consumo de energia e de água em todas as unidades da empresa, com monitoramento de indicadores de sustentabilidade e recursos para calcular a pegada de carbono.

Continua após a publicidade

A Enel X também vai prestar serviços de consultoria e realizar obras de infraestrutura em mais de 450 agências do Itaú Unibanco, com o objetivo de adequação ao mercado livre, com foco na redução dos custos e na gestão inteligente de energia.

Por meio da Enel Trading, comercializadora de energia da Enel no mercado livre, o Itaú Unibanco firmou contratos de compra de energia elétrica com duração de oito anos e quase 1 TWh de energia comercializada.