Publicidade

Publicidade

Alquimistas do frescor

Como não tomam álcool, os muçulmanos adoram refresco e desenvolveram uma enorme variedade

Foto:

Para os muçulmanos, o refresco de xarope de damasco é a bebida que marca o retorno à mesa farta. Um gole no doce e brando amareddinne quebra o jejum do Ramadã, celebrando o fim do rigoroso regime que se enfrenta tradicionalmente no nono mês do calendário lunar islâmico."Nos países árabes os refrescos têm relação direta com os rituais da religião muçulmana. Costuma-se comer doces e tomar bebidas doces sempre depois dos sacrifícios", explica o libanês Jacquot Ayoub, estudioso da cultura árabe que vive em Beirute, ao Paladar.Muito populares, especialmente entre aqueles que não bebem álcool por razões religiosas, os refrescos são encontrados em grande variedade no Oriente Médio. A maioria é feita à base de água, gelo e xarope. Tamarindo, damasco, romã, amora, tâmara. Doces e concentrados, geralmente são misturados com água e gelo picado. Mas também é comum beber águas obtidas por meio da infusão de flores de laranjeira e rosas - são quase chás gelados.A água de flor de laranjeira é também o ingrediente básico de um digestivo clássico, o cafè blanc, que leva uma dose de flor de laranjeira e uma xícara de água quente. A água de rosas refresca, mas costuma ser mais "devorada" que "bebida" porque empresta sua delicadeza a vários doces árabes.Para fazer refresco fugindo do lugar comum, os árabes misturam outros elementos à água, como água de coco, ervas e até leite. É o caso do chef Georges Khalil, que comanda o restaurante do hotel Intercontinental em Doha, no Qatar, onde uma parte do cardápio é dedicada aos refrescos. "Nós fazemos uma bebida com suco de limão e folhas de menta que pode levar também xarope de açúcar ou cal", conta Georges, que faz questão de preparar os drinques não alcoólicos "à la minute".Foi ele, aliás, quem "seduziu" a crítica gastronômica Anissa Helou com o refresco de água de coco e açafrão que ela cita entre seus preferidos, no comentário ao lado. / N.T.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE