Beltrame se reuni com artistas para discutir protestos

O secretário estadual de Segurança do Rio, José Mariano Beltrame, reuniu-se nesta quinta-feira, 05, com um grupo de artistas e estudiosos para discutir a atuação da polícia durante os protestos promovidos no Rio. Os músicos Caetano Veloso e Sidney Waismann, os sociólogos Michel Misse, Alba Zaluar e Olga Bronstein e as antropólogas Jaqueline Muniz e Yvonne Maggie fizeram parte do grupo recebido pelo secretário.

AE, Agência Estado

05 de setembro de 2013 | 20h08

Antes do encontro, Caetano disse ter se surpreendido com a ação policial durante um dos atos no Leblon, na zona sul, que terminou em brigas e depredação. "Não entendo como é que a polícia pode ter agido de forma violenta quando cerca de quatro mil pessoas estavam perto da casa do governador e depois, quando havia somente 50 pessoas depredando lojas, a polícia não agiu."

A imprensa não pode acompanhar a reunião, durante a qual o grupo entregou uma carta em que reivindica à polícia e aos manifestantes o fim da violência durante os protestos.

"Viemos cobrar da secretaria uma postura mais ponderada. Da forma como está agindo, com pessoas infiltradas, está intensificando a violência. É preciso que a PM atue de forma conjunta para apoiar e controlar o direito de se manifestar. É claro que a polícia tem a obrigação de manter a ordem, mas achamos que está havendo um aumento no ciclo de violência", disse Waismann. Com os manifestantes gostaríamos de uma conversa para explicar que a forma mais eficaz de se manifestar politicamente não é com bandos de gente na rua, assustando as pessoas", concluiu.

Mais conteúdo sobre:
protestosrioBeltrameartistas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.