Catar aumenta participação na Xstrata para 11,5%

O Catar, segundo maior acionista da Xstrata, aumentou a participação na companhia para 11,5 por cento, em uma disputa com a Glencore, que tenta comprar a mineradora.

Reuters

13 de agosto de 2012 | 08h32

A Qatar Holding vem comprando ações com frequência desde o anúncio, em fevereiro, de uma proposta de 26 bilhões de dólares em ações da trader de commodities Glencore pela Xstrata.

O fundo de investimento aumentou a participação de 3 para 11 por cento e parou as compras em junho, quando surpreendeu o mercado ao anunciar que estava exigindo uma melhor oferta para aprovar a proposta da Glencore.

A holding voltou a comprar ações da Xstrata no fim de julho, elevando a participação para 11,456 por cento, de acordo com documento enviado a autoridades mobiliárias nesta segunda-feira.

A Glencore, que já detém 34 por cento da Xstrata, está oferecendo 2,8 novas ações para cada ação da mineradora. O Catar informou no mês passado que quer uma relação de 3,25. Os acionistas da mineradora votarão a operação em 7 de setembro.

(Por Sarah Young)

Mais conteúdo sobre:
MINERACAOXSTRATALEGALGLENCORE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.