Comerciante preso por juntar pneus velhos é solto no PR

O comerciante Alberto Nunes Barreto, de 43 anos, que estava preso em Arapongas, no norte do Paraná, desde quarta-feira, sob a acusação de crime contra a saúde pública, foi solto no na noite de hoje, por determinação da juíza Márcia Guimarães Marques da Costa. Ela revogou a ordem de prisão após ser informada de que o terreno onde o comerciante mantinha dezenas de carcaças de pneus, que acumulavam água e proporcionavam o local para a proliferação do mosquito da dengue, tinha sido limpo.

EVANDRO FADEL, Agencia Estado

18 de abril de 2008 | 20h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.