Coronel iemenita é morto a tiros em Áden

Homens armados não identificados mataram a tiros na noite de sexta-feira um coronel do Exército dentro de seu carro na cidade portuária de Áden, no sul do Iêmen. Em outro ato, dois soldados ficaram feridos quando um carro-bomba explodiu em outro importante porto neste sábado, disseram fontes de segurança.

Reuters

03 de maio de 2014 | 14h38

Dezenas de outros ataques ocorreram no país nos últimos meses, e seus alvos eram as forças de segurança no país aliado dos Estados Unidos. Centenas de pessoas morreram. O Exército está conduzindo uma grande operação contra militantes islâmicos nas províncias de Shabwa e Abyan, no sul do país.

O coronel Sanad Badr foi morto em seu carro por homens não identificados em uma importante rua de Áden, disse uma autoridade local.

No começo deste sábado, um carro-bomba explodiu do lado de fora de um edifício de inteligência em Mukalla, capital da província de Hadramout, no sudeste do país. Dois soldados e pelo menos um transeunte ficaram feridos na explosão, afirmou uma fonte de segurança.

Neste sábado, o Exército tomou o controle do reduto rebelde de Al-Mahsad, em Abyan, matando quatro militantes e ferindo vários outros, de acordo com comentários de uma fonte militar para a agência de notícias estatal.

Os países ocidentais temem que a instabilidade no Iêmen possa dar mais espaço para que a Al Qaeda na Península Arábica, braço local da rede, planeje ataques internacionais.

(Reportagem de Mohammed Mukhashaf)

Tudo o que sabemos sobre:
IEMEMCORONELMORTO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.