Datafolha mostra que 49% aprovam atuação de Lula contra crise

O desempenho do presidente Luiz Inácio Lula da Silva no combate à crise financeira global é aprovado por 49 por cento dos brasileiros, segundo pesquisa Datafolha divulgada no domingo pelo jornal Folha de S.Paulo. É este o percentual dos que acham boa ou ótima a atuação do presidente. Trinta por cento a avaliam como regular, 9 por cento afirmaram ser ruim ou péssima e 12 por cento não souberam opinar. A aprovação é maior entre os moradores das regiões Norte, Centro-Oeste e Nordeste. A pesquisa mostrou ainda que, no Brasil, a atuação do presidente norte-americano, George W. Bush, é vista como ruim ou péssima por 45 por cento dos entrevistados. Treze por cento a avaliaram como boa ou ótima e 20 por cento, como regular. No caso do presidente eleito, Barack Obama, a expectativa de que tenha um desempenho ótimo ou bom contra a crise é compartilhada por 57 por cento. Segundo o Datafolha, 76 por cento dos brasileiros afirmaram não ter desistido de comprar nenhum bem ou produto por conta da crise global. Cinquenta e oito por cento acham que o Brasil será pouco afetado pela crise e 10 por cento prevêem que o país não sentirá nenhum impacto. Vinte por cento consideram que será muito prejudicado. O Datafolha ouviu 3.486 pessoas acima de 16 anos em 180 municípios do país, entre os dias 25 e 28 de novembro. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para cima ou para baixo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.