Empresa promete esclarecer motivos do colapso de moinho

A direção do Grupo Motris, empresa proprietária do prédio do moinho que desabou na capital de Alagoas, informou, por meio de nota oficial, que estão sendo tomadas todas as providências no sentido de levantar as possíveis causas do acidente que deixou vítimas na tarde da segunda-feira, em Maceió. Segundo a empresa, não houve vítimas ou acidentados entre seus colaboradores.

CARLOS NEALDO, ESPECIAL PARA A AE, Agência Estado

07 Abril 2014 | 19h09

"Neste momento, os esforços e prioridades da empresa são no sentido de prestar auxílio às vitimas e respectivas famílias", diz a nota. De acordo com o grupo, tão logo sejam apuradas novas informações e detalhes do ocorrido, a empresa estará convocando a imprensa e prestando todos os esclarecimentos à sociedade.

Mais conteúdo sobre:
Maceió moinho desabamento Motrisa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.