Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Fernando Haddad defende convivência pacífica

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, defendeu neste domingo (02) a convivência pacífica entre a população durante entrevista a jornalistas para apresentação da 17 edição da Parada Gay de São Paulo, que acontece hoje na região da avenida Paulista. "Este evento tem o sentido de combater a intolerância e o desrespeito", afirmou o prefeito, que evitou falar de política.

RODRIGO PETRY, Agência Estado

02 de junho de 2013 | 13h32

Segundo ele, a cidade sempre defendeu os direitos de todos os cidadãos que convivem em São Paulo e reafirmou que essa harmonia é essencial para seu desenvolvimento. "Todos os movimentos civis vem buscando seu espaço, mesmo que isso não tenha se concluído plenamente. Este dia é significativo no combate a intolerância e a homofobia", afirmou.

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, também participou da entrevista e reforçou as iniciativas do Estado na defesa dos direitos humanos. Entre elas, citou a criação de delegacias de combate a crimes raciais. "Toda a injustiça cometida contra um cidadão é uma ameaça à sociedade", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
Haddadparada gay

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.