Justiça aceita ação sobre terreno de futura prisão em SP

A Justiça de Itaquaquecetuba (SP) aceitou ontem ação de desapropriação de uma área de 158 mil metros quadrados destinada à construção de uma penitenciária. Atualmente, a cidade da região metropolitana de São Paulo não possui cadeia ou penitenciária, e os presos do município são encaminhados para Suzano.

JULIA BAPTISTA, Agência Estado

23 de setembro de 2010 | 16h17

O juiz Wanderley Sebastião Fernandes, da 2ª Vara Cível, determinou também o encaminhamento do processo para conhecimento do Ministério Público, uma vez que um grupo de moradores da cidade entrou com representação junto à Promotoria de Urbanismo local contra a instalação da prisão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.