Mantega anuncia medidas para aumentar controle de dado sigiloso

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou nesta terça-feira medidas para tornar mais rígidos os controles de acesso ao sigilo fiscal dos contribuintes da Receita Federal.

REUTERS

14 de setembro de 2010 | 17h42

O anúncio foi feito após denúncias de quebra de sigilos de integrantes do PSDB próximos ao presidenciável tucano José Serra. O assunto dominou a campanha eleitoral desde seu surgimento em notícias na mídia.

Segundo o ministro, a Receita vai aprimorar o controle de dados sigilosos e recadastrar todos os funcionários que têm senha.

Todo acesso ao sigilo fiscal terá que ser justificado e o governo vai permitir que o contribuinte blinde o acesso à sua declaração de renda.

"Vamos montar um sistema de alerta para acessos não usuais", disse Mantega a jornalistas.

Há poucos dias, o ministro afirmou que o sistema de acesso a dados da Receita não era inviolável.

(Reportagem de Isabel Versiani)

Tudo o que sabemos sobre:
ELEICOESMANTEGARECEITA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.