Menino de 9 anos voa sozinho em balão

Durante 25 minutos, filho de dois balonistas americanos flutuou em artefato feito em casa.

BBC Brasil, BBC

07 Junho 2011 | 05h33

Bobby Bradley, um menino de apenas 9 anos, se transformou na pessoa mais jovem a realizar um voo solo em um balão de ar quente.

Ele decolou da cidade de Tomei, em pleno deserto do Novo México, nos Estados Unidos, junto com outros três balões e diante de 50 fãs.

Entre parentes e amigos de escola, estava também um fiscal da agência federal de aviação americana.

Apesar do voo, segundo as regras do país, Bobby - filho de dois balonistas experientes - só vai poder tirar a licença de piloto aos 16 anos.

Para evitar problemas com a lei, ele voou num balão menor que o normal, construído em casa e considerado oficialmente um ultraleve.

O voo de Bobby Bradley durou 25 minutos.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.