Morre lenda do teclado no rock

Memória

JOTABÊ MEDEIROS, O Estado de S.Paulo

17 de julho de 2012 | 03h04

Jon Lord, que tocou teclados na banda inglesa Deep Purple, morreu pela manhã aos 71 anos, na London Clinic, após uma longa batalha contra um câncer no pâncreas. Sofreu uma embolia pulmonar fatal.

Ao tecladista são creditadas contribuições cruciais: foi pioneiro na fusão de heavy metal com música clássica; seus riffs de órgão criaram composições referenciais do gênero, como Highway Star, Lazy e Child in Time. Foi coautor de uma composição magistral na história do rock, Smoke on the Water, lançada em 1972.

Nascido em Leicester, Inglaterra, em 9 de junho de 1941, começou a tocar inspirado pelo órgão no blues. Fundou o Deep Purple em 1968, onde ficou até 1976. Foi para o Whitesnake, mas quando o Purple se reuniu, lá estava ele. Aposentou-se em 2002, sendo substituído por Don Airey. Tocou no Brasil pela última vez em 2009, na Virada Cultural, com a Sinfônica Municipal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.