Parlamento do Irã demite ministro por diploma falso

Ali Kordan, do Ministério do Interior, disse ter obtido documento de 'boa-fé'.

Da BBC Brasil, BBC

04 Novembro 2008 | 10h27

O Parlamento iraniano aprovou nesta terça-feira o impeachment do ministro do Interior, Ali Kordan, que admitiu ter obtido um diploma falso supostamente concedido pela Universidade de Oxford. O certificado da prestigiosa instituição britânica, uma falsificação grosseira, continha inclusive erros ortográficos. Kordan insiste que obteve o documento "de boa-fé" em Teerã, do representante de uma instituição que ele continua a se referir como a "London Oxford University". A demissão do ministro foi aprovada por 188 votos contra 45. Tanto parlamentares conservadores como moderados votaram pelo impedimento de Ali Kordan. O correspondente da BBC em Teerã Jon Leyne disse que, agora, de acordo com a Constituição iraniana, o presidente Mahmoud Ahmadinejad pode ter de submeter todo o seu gabinete para um voto de confiança. Antes da votação, o presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, disse que o processo era ilegítimo. Ainda não está claro se ele irá aceitar a decisão do Parlamento. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.