Vale e Thyssenkrupp fecham preço do minério de ferro para 2009

A Vale acertou com a ThyssenKrupp, maior siderúrgica da Alemanha, uma redução de 28,2 por cento nos preços do minério de ferro fino, na comparação com 2008, segundo um comunicado divulgado ao mercado nesta segunda-feira.

REUTERS

20 Julho 2009 | 20h32

A queda no preço do minério de ferro acertado anualmente, com o setor ainda sofrendo os efeitos da crise internacional, foi percentualmente a mesma acordada com outras siderúrgicas européias e asiáticas.

O preço do minério granulado fixado com a empresa alemã sofreu uma redução de 44,47 por cento.

Os novos preços de referência para 2009, em tonelada métrica seca, são 0,9651 dólar por unidade de ferro para o minério de ferro fino do Sistema Sul e Sudeste (SSF) e 1,0095 dólar para o fino de Carajás (SFCJ), e 1,0962 dólar para o granulado do sistema sul.

O preço das pelotas foi reduzido em 48,3 por cento em relação ao ano passado, e o novo preço de referência para 2009 em tonelada métrica seca é 1,1384 dólar por unidade de ferro para pelotas de alto forno de Tubarão.

O mercado ainda aguarda o desfecho das negociações com as principais siderúrgicas da China, principal destino das exportações da Vale.

(Texto de Roberto Samora)

Mais conteúdo sobre:
MINERACAOVALE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.