Vela causa incêndio e mata irmãos em Porto Calvo-AL

Os irmãos Anderson José do Nascimento Santos e Amanda Alcione Nascimento dos Santos morreram queimados em casa, na madrugada de hoje, enquanto dormiam. O incidente ocorreu na Rua do Varadouro, na cidade de Porto Calvo, a 98 quilômetros de Maceió (AL).

RICARDO RODRIGUES, Agência Estado

25 de junho de 2010 | 10h55

De acordo com policiais que atenderam o chamado, os adolescentes acenderam uma vela e foram dormir. A vela teria provocado um incêndio, e os irmãos não teriam conseguido abandonar a casa. Os pais dos jovens são ambulantes e tinham saído para vender refrigerantes e água mineral em uma festa junina na cidade. Segundo vizinhos, Anderson completou 15 anos ontem e Amanda iria completar 16 anos no próximo mês.

"Uma vela que eles deixaram acesa teria atingido um dos móveis, e o fogo se alastrado pela casa. Até a madeira do telhado queimou. Uma tristeza", contou nesta manhã um sargento da PM, em entrevista à imprensa. Os policiais contaram também que, na tentativa de salvar os adolescentes, vizinhos jogaram água na casa para apagar o incêndio, mas as chamas eram fortes e o fogo consumiu tudo muito rápido.

Tudo o que sabemos sobre:
incêndioadolescentesvelaAL

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.