Publicidade

Publicidade

Picanha brasileira fica na segunda colocação em lista de melhores pratos do mundo

Ranking do site TasteAtlas classificou o corte brasileiro como o segundo melhor prato da culinária mundial

Picanha brasileira foi considerada o segundo melhor prato típico do mundo. Foto: Codo Meletti|EstadãoFoto: Codo Meletti|Estadão

O corte preferido do brasileiro está com moral. Presença garantida nos churrascos do país, a picanha foi reconhecida como o segundo melhor prato do mundo em ranking do TasteAtlas, plataforma croata que mapeia artigos e críticas gastronômicas.

O site divulgou o ‘TasteAtlas Awards’, lista que avalia os melhores pratos e receitas típicas de diversos países. O ranking leva em conta um apanhado de críticas e avaliações feitas por usuários e profissionais do mundo inteiro, classificando os pratos com notas de 1 a 5.

A picanha levou nota 4,86 e ficou na frente de pratos populares como a pizza marguerita, o ceviche e o steak au poivre. O corte brasileiro só ficou atrás do Karê, uma espécie de curry típico da culinária japonesa.

Picanha brasileira Foto: Codo Meletti|Estadão

Não é de hoje que a picanha vem ganhando destaque internacional. Apesar do corte não ser muito consumido nos Estados Unidos e em países europeus, a picanha é reconhecida internacionalmente como uma carne nobre e saborosa, sempre associada ao churrasco e à gastronomia brasileira. Aos poucos, a picanha vem se popularizando e ganhando espaço em restaurantes estrangeiros, que se renderam a seu sabor e suculência.

PUBLICIDADE

No Brasil, nem tudo são flores. O alto preço da picanha no país impede que boa parcela da população consuma a carne com frequência, optando por cortes mais baratos na hora do churrasco. Os valores do corte fogem à realidade do brasileiro, que muitas vezes vê a picanha como um artigo de luxo.

Além da picanha, a gastronomia brasileira teve grande reconhecimento e mais quatro pratos figuram no ranking. A vaca atolada, prato típico da culinária caipira, surpreendeu e ficou na 29º colocação. A moqueca, ensopado de peixe muito consumido no nordeste, ficou em 49°. Por fim, o feijão tropeiro ficou em 50º, representando a culinária do sudeste e centro-oeste.


Gosta de picanha? Confira as receitas:

+ Picanha ao molho de gorgonzola

PUBLICIDADE

+ Picanha ao vinho tinto

+ Picanha de panela, purê de mandioquinha, tuille e mix de ervas

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Veja mais