Adolescentes, games e redes: como os pais devem lidar com filhos hiperconectados? | Dois Pontos

Vodcast do Estadão discute controle parental, empatia virtual e a importância do diálogo em casa e na escola

É possível controlar o que um adolescente faz na internet? Diante de gerações hiperconectadas, como mostrar aos filhos que nem tudo que eles veem nas telas é real? Estes são alguns dos questionamentos discutidos no novo episódio do vodcast Dois Pontos, que tem como convidados Thais Bozza, doutora em Educação, e o médico Benito Lourenço, presidente do Departamento de Adolescência da Sociedade de Pediatria de São Paulo.

O episódio tem a apresentação da colunista do Estadão Roseann Kennedy, e da repórter especial e colunista de Educação do Estadão, Renata Cafardo.

Além de debater sobre os ‘vilões’ já conhecidos - desafios perigosos, games violentos, exposição, assédio -, os especialistas também falam da importância de os pais aprenderem mais sobre o que os filhos fazem na internet e do constante diálogo sobre o assunto para prevenir riscos.

Sobre o programa

O vodcast Dois Pontos, apresentado por Roseann Kennedy, vai ao ar às quartas-feiras, mergulhando em assuntos atuais e reunindo dois convidados em um debate.

Sobre o programa

O vodcast Dois Pontos, apresentado por Roseann Kennedy, vai ao ar às quartas-feiras, mergulhando em assuntos atuais e reunindo dois convidados em um debate.

PUBLICIDADE