Biden assina ajuda de US$ 40 bilhões para a Ucrânia

Foto: ALEXANDER NEMENOV

Auxílio inclui um orçamento de US$ 6 bilhões para o país se equipar com veículos blindados e defesa antiaérea

Por Redação
Atualização:

SEUL - O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, assinou neste sábado, 21, uma lei que disponibiliza US$ 40 bilhões em recursos destinados a garantir o fornecimento de armas e apoio econômico à Ucrânia em seu conflito com a Rússia. A informação foi anunciada pela Casa Branca.

Biden assinou o texto - aprovado anteriormente pelo Congresso - durante sua visita à Coreia do Sul, sua primeira viagem à Ásia como presidente.

Presidente Joe Biden, ao lado do presidente Yoon Suk-yeol, durante visita à Coreia do Sul.
Presidente Joe Biden, ao lado do presidente Yoon Suk-yeol, durante visita à Coreia do Sul. Foto: Evan Vucci/AP

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

A ajuda, que será disponibilizada nos próximos cinco meses, inclui um orçamento de US$ 6 bilhões para a Ucrânia se equipar com veículos blindados e defesa antiaérea, diante da guerra que se aproxima do quarto mês.

Neste sábado, o Ministério da Defesa da Rússia anunciou que as forças russas destruíram um grande carregamento de armas ocidentais no Noroeste da Ucrânia com mísseis de longo alcance.

“Mísseis Kalibr lançados no mar de alta precisão e longo alcance destruíram um grande lote de armas e equipamentos militares perto da estação ferroviária de Malin, na região de Zhytómyr, enviados pelos Estados Unidos e países europeus”, disse o ministério. / AFP

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Publicidade