Adolescentes infratores fazem rebelião em Volta Redonda

Adolescentes internados no Centro de Socioeducação Irmã Asunción de La Gándara Ustara, na cidade de Volta Redonda, no sul fluminense, iniciaram um motim no início da tarde desta segunda-feira, 22. De acordo com a assessoria de imprensa do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase) não há reféns até a tarde de hoje.

THAISE CONSTANCIO, Estadão Conteúdo

22 Setembro 2014 | 16h01

Alguns jovens foram agredidos por outros adolescentes e estão recebendo atendimento médico no local. Ainda segundo a assessoria, alguns adolescentes se entregaram, mas outros 35 adolescentes mantêm o motim.

A direção do centro de socioeducação e a coordenação de segurança estão no local negociando com os adolescentes o fim do conflito. A Polícia Militar reforça o policiamento no local.

A assessoria de imprensa não confirmou quantos adolescentes estão internados no local.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.