Assalto de sete horas termina sem vítimas em Rio Branco

Um assalto a uma lotérica em Rio Branco, no Acre, com mais de sete horas de duração terminou sem vítimas. Ao longo desta quinta-feira, 10, 18 reféns do estabelecimento no centro de Rio Branco foram liberados e os assaltantes resolveram se entregar.

ITAAN ARRUDA, ESPECIAL PARA AE, Agência Estado

10 Outubro 2013 | 18h46

Segundo a Polícia Militar do Acre, apenas dois assaltantes executaram a operação. A polícia trabalha com a hipótese de que um terceiro integrante tenha participado do planejamento. Três negociadores da PM revezaram os trabalhos. Todas as pessoas que estavam na lotérica saíram sem ferimentos.

"Eles queriam se entregar, mas queriam garantias de que teriam a integridade física", afirmou o negociador que finalizou a operação, capitão Giovane Galvão de Freitas Lima Filho, que tem formação em negociação das polícias civil e militar de São Paulo.

"Os reféns foram salvos e a operação foi concluída e sem que se desse um único tiro", comemorou o secretário de Estado de Polícia Civil, Emylson Farias.

Mais conteúdo sobre:
assalto lotérica Acre

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.