Ciclistas marcam pedalada por segurança na USP

Ciclistas planejam uma manifestação neste sábado, 01, para pedir mais segurança contra o roubo e o furto de bicicletas no campus da Universidade de São Paulo (USP). O evento "Pedalada e caminhada pela segurança pública" já reúne mais de mil pessoas no Facebook, que pretendem se encontrar na Praça da Reitoria por volta das 09h.

AE, Agência Estado

30 de janeiro de 2014 | 09h29

De acordo com os organizadores do encontro, a USP, tradicionalmente um local usado como área de treinamento por corredores e ciclistas, tem sofrido com o aumento do número de assaltos. "Me arrisco a dizer que chegam a 5 bikes por semana. Os assaltantes chegam em motos, armados, muito cedo, entre 5 e 6h30 da manhã. Normalmente, os ciclistas são agredidos ou derrubados das bicicletas", afirmam na página do protesto.

Promotor

No dia 18 de janeiro, o promotor de Justiça Roberto Bodini, que investiga a máfia do ISS, teve sua bicicleta roubada no câmpus da universidade. O caso ganhou notoriedade quando ele conseguiu recuperar a bike por meio de um contato na comunidade onde o objeto foi encontrado. Depois da ocorrência, a USP passou a ter reforço da PM.

Mais conteúdo sobre:
ProtestobicicletaUSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.