Empresário é morto após perseguir bandido em SP

O empresário Josué Dantas Neto, 52, morreu baleado após perseguir um assaltante que havia furtado o carro de seu amigo de dentro de um estacionamento, em Perdizes, zona oeste de São Paulo, na manhã desta quinta-feira, 03. A perseguição se estendeu por cerca de 1,5 quilômetro.

AE, Agência Estado

03 Outubro 2013 | 15h41

Por volta das 10h20, o empresário presenciou três homens levando o veículo estacionado no estabelecimento, na Rua Coronel Melo de Oliveira, 562, ao lado da firma onde trabalha. Um bandido entrou no carro, um Chevrolet Cruze, e Dantas resolveu ir atrás dele com seu Honda CRV.

Na Rua Epaminondas Lobo, o ladrão perdeu o controle, quase capotou, e atingiu um Gol que estava estacionado na rua. A roda dianteira do Cruze ficou presa na janela do Gol e o suspeito teve que continuar a fuga a pé.

Ainda com o empresário o perseguindo de carro, ele foi atropelado na Rua Félix Della Rosa, perto do local do acidente, mas conseguiu reagir e baleou Dantas. Testemunhas ouviram ao menos dois disparos e viram o bandido correndo.

A vítima, caída no local, chegou a ser levada ao Hospital das Clínicas, mas não resistiu aos ferimentos.

Mais conteúdo sobre:
empresário baleado perseguição

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.