Pesquisa liga príons a células-tronco

Quando deformadas, proteínas conhecidas como príons são consideradas causadoras de uma série de doenças que atacam o cérebro, como o "mal da vaca louca". Os cientistas, no entanto, desconheciam a função dos príons quando em sua forma normal. Agora, estudo publicado na revista Proceedings of the National Academy of Sciences sugere que os príons de formato correto têm um papel na reprodução das células-tronco.Os pesquisadores descobriram que muitas células-tronco, de um tipo que se divide para gerar células do sangue, têm príons grudados por toda a superfície. A equipe demonstrou que esses príons ajudam as células-tronco da medula óssea a produzir cada vez mais células sanguíneas.Para estabelecer o fato, os cientistas levaram as células-tronco ao ponto de exaustão, forçando-as a se reproduzir ao máximo. Células-tronco sem príons pararam de gerar novas células muito antes que as que carregavam a proteína.

Agencia Estado,

31 de janeiro de 2006 | 13h49

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.