Polícia confirma explosão na linha de chegada da Maratona de Boston

A polícia de Boston afirmou nesta segunda-feira que houve pelo menos uma explosão perto da 673 Boylston Street, que fica próxima da linha de chegada da Maratona de Boston.

Reuters

15 de abril de 2013 | 16h34

"Houve uma explosão, policiais, bombeiros e equipes de emergência médica estão no local. Não temos indicação de quantas pessoas estão feridas", disse uma porta-voz do Departamento de Polícia de Boston.

A explosão aconteceu no momento em que milhares de atletas terminavam a 117ª corrida da Maratona de Boston, com uma multidão assistindo e torcendo na linha de chegada.

Mais cedo, um porta-voz do evento disse a jornalistas que o hotel que serve como sede da maratona foi bloqueado após a explosão e que ninguém teria permissão de sair ou entrar do prédio.

O canadense Mike Mitchell, de Vancouver, um atleta que terminou a maratona disse que estava olhando para trás na linha de chegada e viu uma "explosão massiva".

A fumaça subiu 15 metros, disse Mitchell. As pessoas começaram a correr e gritar após ouvirem o barulho, acrescentou.

"Todo mundo está assustado", disse Mitchell.

(Reportagem de Scott Malone e Tim McLaughlin)

Tudo o que sabemos sobre:
EUABOSTONMARATONAEXPLOSAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.