Progressos são feitos em negociações com Coreia do Norte--EUA

O principal negociador dos EUA junto à Coreia do Norte disse nesta segunda-feira que dois dias de conversações entre os dois lados em Genebra estavam "se movendo em uma direção positiva", depois de estreitamento de algumas diferenças, mas problemas permaneceram.

REUTERS

24 de outubro de 2011 | 19h25

O embaixador Stephen Bosworth, representante especial dos EUA para políticas para a Coreia do Norte, disse que o objetivo dos EUA era o de encontrar uma "base sólida" para relançar as negociações bilaterais e multilaterais com Pyongyang, em grande parte paralisadas desde que as conversações entre seis partes sobre desarmamento nuclear fracassaram mais de dois anos atrás.

"Vamos continuar a tentar diminuir as diferenças", disse Bosworth a jornalistas em Genebra, após um jantar para a delegação norte-coreana liderada pelo primeiro vice-ministro das Relações Exteriores Kim Kye-gwan.

(Reportagem de Stephanie Nebehay)

Mais conteúdo sobre:
COREIANEUAPROGRESSOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.