Tempestade causa danos em cidades no Vale do Ribeira

Uma tempestade acompanhada de rajadas de vento e granizo causou danos em pelo menos 100 casas, na noite de segunda-feira, 21, em duas cidades do Vale do Ribeira, região sul do Estado de São Paulo. Em Sete Barras, pelo menos setenta moradias em quatro bairros rurais tiveram os telhados destruídos pelas pedras de gelo do tamanho de uma bola de golfe. As casas foram alagadas pelas chuvas. No bairro do Rio Preto, todas as moradias foram afetadas. Nesta terça-feira, 22, a prefeitura ainda distribuía lonas para a cobertura provisória dos imóveis. A prefeitura pediu ajuda à Coordenadoria de Defesa Civil do Estado de São Paulo.

JOSÉ MARIA TOMAZELA, Agência Estado

22 Outubro 2013 | 19h49

Em Miracatu, na mesma região, às 20 horas de segunda-feira, uma chuva de forte intensidade acompanhada de vendaval provocou o destelhamento de 28 casas e quedas de árvores de grande porte. Dez bairros foram atingidos. Com o rompimento da rede elétrica, parte da cidade ficou sem energia. Várias ruas ficaram alagadas. De acordo com a Defesa Civil estadual, doze pessoas ficaram desalojadas e foram para a casa de parentes. Não houve feridos.

Mais conteúdo sobre:
TEMPESTADE GRANIZO VALE DO RIBEIRA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.