Traficantes anunciam fim da venda de crack

Traficantes prometeram a moradores do bairro Bom Jesus, em Santa Cruz do Sul (RS), que vão deixar de vender crack. O anúncio foi feito em uma reunião da comunidade na sexta-feira passada. Maconha e cocaína continuam a ser vendidas. Em entrevista à Gazeta do Sul, um bandido disse que a onda de furtos e roubos decorrentes do consumo do crack estava "prejudicando os negócios". O presidente da Associação de Moradores, Clairton Ferreira, aprova o acordo. "Mostramos a eles que o crack está matando crianças e destruindo famílias."

, O Estadao de S.Paulo

20 de novembro de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.