Unicef vê progresso no auxílio às vítimas em Mianmar

Os trabalhos de recuperação do desastre provocado pelo ciclone Nargis e o esforços de assistência às vítimas estão tendo um rápido progresso em Mianmar (antiga Birmânia), apesar dos obstáculos logísticos, informou hoje a porta-voz do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef, na sigla em inglês), Zafrin Chyowdhury. "O governo alocou bastante dinheiro para a recuperação e assistência", disse a porta-voz, elogiando voluntários individuais por seu trabalho.O Ciclone Nargis de 2 e 3 de maio devastou Mianmar, com um rastro de destruição no delta do rio Irrawady e na cidade de Rangum, a maior do país, matando 84.537 pessoas e deixando 53.836 desaparecidas. Chowdhury disse que apesar da melhora no socorro às vítimas, a logística permanece difícil."É uma situação desafiadora. O acesso é difícil e muitos lugares no delta só são alcançados com barcos," ela disse. Helicópteros enviados pela ONU também estão em uso na região. "A assistência chegou, no entanto, há muitas áreas remotas," disse a porta-voz da Unicef.

AE-AP, Agencia Estado

07 de julho de 2008 | 13h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.