Publicidade

Publicidade

Bebida

Viva o caju amigo! 6 bares e restaurantes para tomar o clássico drinque brasileiro

Apesar de mais uma escolha injusta do TasteAtlas como a pior bebida brasileira, caju amigo ainda movimenta paixões por aí

O caju amigo do recém-inaugurado Drunks. Foto: Neuton AraújoFoto: Neuton Araújo

Na última semana, mais uma polêmica desnecessária do site TasteAtlas: o caju amigo, clássico coquetel da década de 70 com suco de caju e bebida alcóolica, foi considerado como o pior drinque brasileiro. Inacreditável, pra variar. E é uma opinião completamente à toa. Afinal, o caju amigo continua ganhando destaque nas cartas de bares e restaurantes.

A seguir, confira uma seleção de endereços, no Rio e São Paulo, para tomar o caju amigo.

Imakay

O caju amigo do restaurante Imakay Foto: Tales Hidequi

Para a nova carta de coquetéis do japonês moderno localizado no Itaim, em cartaz desde o dia 6 de dezembro, o bartender Kevin Cavalcante criou 14 receitas inspiradas pelas bebidas nacionais do Japão (kokushu): saquê, awamori e schochu. Um deles é uma versão do chef de bar para o clássico paulistano caju amigo. Batizado de kashū (R$ 44), o drinque leva shochu de cevada envelhecido em amburana – para trazer um toque amadeirado em referência à cachaça, o destilado nacional brasileiro – compota de caju com cenmaicha (espécie de chá verde feito com arroz torrado) e limão-tahiti. O pedido ainda chega acompanhado de castanhas-de-caju como guarnição.

PUBLICIDADE

Onde: R. Urussuí, 330, Itaim Bibi. 3078-7786. 12h/15h e 19h/0h (seg.e ter., 12h/15h e 19h/23h; sáb., 12h/16h e 19h/0h; fecha dom.).

Bar da Dona Onça

Tradicional bar de São Paulo, o Bar da Dona Onça serve sua versão de Caju Amigo que leva cachaça da Lage, suco limão, suco de caju e compota de caju feita na casa. R$ 44.

Onde: Av. Ipiranga, 200, CJ 27 e 29, Centro. 3257-2016. 12h/23h30 (qui. a sáb., 12h/0h30; dom., 12h/17h).

Drunks

PUBLICIDADE

No recém-inaugurado Drunks, que tem drinks autorais produzidos por Marlon Silva, o Sou do Sertão é a releitura que o head bartender criou para refrescar, sendo cítrico e frutado. Com gin com infusão de caju, soda de cajuina, tintura adstringente de limão galego e guarnição de caju desidratado e milefóilio, o drink custa R$ 48.

Onde: R. Bandeira Paulista, 520, Itaim Bibi. 3167-3816. 19h/2h (fecha dom. e seg.).

Capim Santo

No Capim Santo, o caju amigo também dá as caras Foto: Mario Rodrigues

Em parceria com a APTK Spirits, o Capim Santo acaba de lançar uma versão de Caju Amigo. A bebida, que agora ganha espaço na carta de drinques da casa, também está à venda no Empório do restaurante em versão engarrafada. A receita do premiado mixologista Alê D’Agostino, um dos sócios da marca APTK Spirits, leva suco de caju, suco de limão, açúcar e vodca da APTK (R$ 45). Para casa, a garrafa (750 ml) sai a R$ 178.

PUBLICIDADE

Onde: Av. Brigadeiro Faria Lima, 2705, Jardim Paulistano. 3032-2277. 10h/18h (fecha dom. e seg.).

Maria e o Boi

O caju amigo do carioca Maria e o Boi Foto: Daud Pacha

Maria e o Boi é famoso pelo resgate que faz da comida brasileira em toda a sua diversidade. Com os drinques, não seria diferente. O chef Cristiano Lanna deu o seu toque especial no drinque Caju Amigo que, na casa, é feito com cachaça ou vodca, suco de caju, limão e doce de caju do Piauí (R$ 31,00/R$ 34,00).

Onde: R. Maria Quitéria, 111, 1º andar, Ipanema. (21) 3502-4634. 12h/23h (sex. e sáb., 12h/00h; dom., 12h/22h; seg., 12h/16h e 18h/23h).

PUBLICIDADE

APTK Spirits

Nas prateleiras da APTK Spirits, único varejo do mundo especializado em drinques engarrafados, o caju amigo leva suco de caju, suco de limão, açúcar e vodca (VDK da APTK). A bebida, mesmo engarrafada, é uma celebração do clássico coquetel paulistano da década de 70, criado pelo extinto Pandora. A garrafa de 375 ml (R$ 130) pode ser encontrada nas lojas APTK Spirits do Rio Sul e do shopping Leblon.

Onde: Av. Afrânio de Melo Franco, 290, 3º piso, Leblon. 21 99726-6023. 10h/22h (dom., 13h/21h). Mais um endereço em Botafogo.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE