Publicidade

Publicidade

Receitas
Filé de frango à milanesa com creme de milho, servido em um prato raso de cor bege, com bordas douradas. O prato está servido em cima de uma mesa branca.Filé de frango à milanesa com creme de milho Foto: Taba Benedicto
Por Redação Paladar

Filé de frango à milanesa com creme de milho

No almoço ou na jantar, o filé de frango à milanesa com creme de milho é super fácil

DificuladeFácil
Tempo de preparoRápida
Rendimento4 porções
Junho está cada vez mais próximo e a festa junina começa a marcar presença durante os dias. Essa época é conhecida pelas comidas típicas com muito milho e coisas quentes. Para celebrar essa época e já entrar no clima, que tal um almoço com bastante creme de milho cremoso? E sabe o que combina com creme de milho? Um incrível frango à milanesa. Essa receita quente pode ser servida no almoço ou na janta, além de ser rápida de fazer. A chef Potiguara Spindóla, docente de gastronomia do Senac São Paulo, ensina o passo a passo desse prato. Confira:

Ingredientes

Frango
  • 4 filés de peito de frango
  • 100 g de farinha de trigo
  • 2 ovos
  • 100 g farinha panko
  • Sal e pimenta-do-reino preta moída a gosto
  • 500 ml de óleo de milho para fritura
Creme
  • 2 espigas de milho-verde
  • 450 ml de leite integral
  • 40 g de manteiga
  • ½ cebola
  • Sal e pimenta-do-reino moída a gosto

Preparo

  • 1.Tempere o frango com sal, pimenta-do-reino e passar na farinha de trigo, nos
  • 2.ovos batidos.
  • 3.Em seguida, empane o frango na farinha panko.
  • 4.Frite por imersão no óleo quente (média a 180ºC) até dourar.
  • 5.Escorra sobre papel toalha e reserve.
  • 6.Para o creme de milho coloque no liquidificador os grãos do milho crus com o leite e bata bem.
  • 7.Reserve.
  • 8.Em uma panela, colocar a manteiga e a cebola picada.
  • 9.Refogue em fogo baixo até começar a dourar levemente.
  • 10.Coloque o creme reservado e cozinhe em fogo baixo até a consistência desejada.
  • 11.Tempera com sal e pimenta-do-reino a gosto e sirva com o frango à milanesa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.