PUBLICIDADE

Santa Catarina e Rio Grande do Sul registram primeiras geadas do ano; veja imagens

São Joaquim e Urupema, na Serra Catarinense, registraram fenômeno; massa de ar frio derruba as temperaturas no Centro-Sul do País

Por Luciano Nagel
Atualização:

O município de São Joaquim, na Serra Catarinense, amanheceu nesta quinta-feira, 18, sob um manto fino de gelo. No dia da 1ª geada do ano, a temperatura mínima foi de 1,5 ºC, conforme o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Em Bom Jardim da Serra, às 6h da manhã, os termômetros registravam 1,95 ºC.

A primeira geada de 2024 cobriu os campos de branco em São Joaquim, na Serra Catarinense Foto: Mycchel Legnaghi/@saojoaquimonline.com.br

Já no município serrano de Urupema, a 1.726 metros de altitude, a temperatura mínima neste alvorecer foi de 2,5 ºC. Nesta região também houve queda de geada, segundo a Defesa Civil de Santa Catarina.

As temperaturas também despencaram nas terras gaúchas com a chegada de uma frente fria com ar seco, em particular na região da Serra, e metade norte do Rio Grande do Sul.

Em São Joaquim, temperatura mínima chegou a 1,5ºc Foto: Mycchel Legnaghi/@saojoaquimonline.com.br

PUBLICIDADE

No fim da madrugada, a cidade de Vacaria, na região dos Campos de Cima de Serra, registrou temperatura de 4,5 ºC e em São José dos Ausentes, onde também houve geada, os termômetros chegaram a 5,2 ºC. Já Porto Alegre amanheceu com 14 ºC.

De acordo com a MetSul Meteorologia, a frente fria não se limita apenas a esta quinta. Até segunda-feira, 22, devem ser esperadas madrugadas frias em várias cidades.

Grande parte dos municípios gaúchos registrará nestes dias mínimas perto ou abaixo dos 10 ºC. Na Grande Porto Alegre, as madrugadas seguem um pouco frias nesta sexta-feira, 19, e durante o fim de semana, com marcas entre 10 ºC ou 12 ºC.

Além de São Joaquim (foto), Serra Catarinense teve geadas em Urupema e Bom Jardim da Serra Foto: Mycchel Legnaghi/@saojoaquimonline.com.br

Massa de ar frio derruba as temperaturas pelo País

A partir desta quinta-feira, 18, a passagem de uma massa de ar frio de origem polar vai derrubar as temperaturas em diversas cidades, principalmente no Centro-Sul do País. Há possibilidade de recorde de frio em São Paulo.

Publicidade

“Vai produzir o primeiro ‘friozinho’ do outono no Centro-Sul do Brasil. O efeito desta massa de ar frio de origem polar será mais forte sobre o Sul, onde pode até gear nas regiões mais elevadas das serras, mas a queda de temperatura também será sentida em Mato Grosso do Sul e nos Estados do Sudeste”, aponta a Climatempo.

Publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.