PUBLICIDADE

Caixa abrirá agências para atendimentos essenciais neste sábado

799 agências ficarão abertas das 8h e às 12h para saques de benefícios e pagamentos de Abono Salarial e FGTS, entre outros

Por Diego Kerber
Atualização:

SÃO PAULO - Neste sábado, 25, a Caixa Econômica Federal vai abrir 799 agências para atender a serviços essenciais para a população: saque de INSS, Seguro-Desemprego/Defeso, Bolsa Família e outros benefícios sociais sem cartão, saque de contas salário, pagamento de abono salarial e FGTS e desbloqueio de cartões e senhas de contas.

Por causa da pandemia do novo coronavírus, todas as unidades abertas terão fluxo controlado de clientes e só serão permitidas uma ou duas pessoas por máquina nas salas de autoatendimento, dependendo do espaço disponível. Também estão sendo feitas sinalizações nas áreas externas das agências para delimitar o número de pessoas e manter o afastamento social.

Presidente da Caixa reconheceu que inicialmente o pagamento do auxílio foi mais "intenso", mas diz que as filas foram reduzidas drasticamente desde a semana passada. Foto: Dida Sampaio/Estadão

PUBLICIDADE

Além disso, foram tomadas medidas de higienização reforçadas nas unidades, com prioridade para superfícies com contato humano, como portas de entrada, maçanetas e vidros de entorno, teclados dos caixas eletrônicos, balcões de caixa e torneiras e aparelhos sanitários. Essas áreas serão higienizadas pelo menos seis vezes ao dia.

Medidas para reduzir filas

A Caixa vem trabalhando para diminuir também o impacto de filas do lado de fora das agências. Desde a última quinta-feira, 22, mais de 1,1 mil unidades começaram a abrir com duas horas de antecedência para serviços essenciais, com funcionamento entre 8h e 14h. Outra medida tomada é a alocação de mais  de 2,8 mil vigilantes adicionais, além de recepcionistas para ajudar na orientação e atendimento ao público.