PUBLICIDADE

Feridos em descarrilamento de trem no Rio chegam a 42

Por PEDRO DANTAS
Atualização:

O número de feridos num descarrilamento de vagão de trem que aconteceu hoje no Méier, zona norte do Rio, chegou a 42. O acidente ocorreu quando a composição, que saiu de Bangu (zona oeste) para a Central do Brasil, se aproximava da estação. O último vagão saiu dos trilhos, tombou para o lado direito, derrubou uma viga de sustentação e destruiu, parcialmente, uma pilastra da passarela de acesso à plataforma. Houve pânico entre os passageiros para deixar o trem e alguns foram pisoteados. "Ouvimos o barulho e logo entramos em pânico. Alguns passageiros pensaram que era um incêndio e começou a correria para deixar o vagão. As pessoas empurravam-se e pisavam nas outras. Minha filha caiu no vão entre o trem e a plataforma quando saía do trem. Ela machucou os braços e as pernas", afirmou a empregada doméstica Rosângela Gomes de Almeida, de 47 anos. Atendidas no Hospital Salgado Filho, Rosângela e a filha Solange Almeida Gomes, de 28, foram liberadas. De acordo com a Secretaria de Saúde da prefeitura, todos os 42 atendidos no hospital, situado em frente à estação, foram liberados hoje à tarde. As vítimas tinham escoriações leves pelo corpo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.