PUBLICIDADE

Foto do(a) blog

Diversidade e Inclusão

Cineasta cria a primeira agência para artistas com deficiência do País

'Assim Somos', de Lucca Messer, prepara talentos para atuação, inclui no mercado de trabalho, gerencia carreiras e produz conteúdo audiovisual sobre o universo da pessoa com deficiência.

Foto do author Luiz Alexandre Souza Ventura
Por Luiz Alexandre Souza Ventura
Atualização:


ABERTURA EM LIBRAS (EM GRAVAÇÃO)


Ouça essa reportagem com Audima no player acima, acione a tradução do texto em Libras com Hand Talk no botão azul à esquerda ou acompanhe o vídeo no final da matéria produzido pela Helpvox com a interpretação na Língua Brasileira de Sinais.


 

PUBLICIDADE


Mona Rikumbi, atriz, é a uma mulher com deficiência. Foi a primeira artista negra e cadeirante a se apresentar no palco do Theatro Municipal de São Paulo. Um pedaço dessa história é contada no documentário 'Mona', do cineasta e fotógrafo Lucca Messer.

A performance de Mona Rikumbi e sua energia contrastam com a falta de oportunidades de trabalho para a atriz, uma invisibilidade que se repete para as pessoas com deficiência em todos os setores.


https://youtu.be/mPbSOSRapG4


Diante dessa realidade, Lucca Messer decidiu criar no ano passado a agência Assim Somos, especializada em artistas com deficiência, que prepara talentos para atuação, inclui no mercado de trabalho e gerencia as carreiras desses profissionais.   Empresas em busca de talentos que representam a diversidade podem patrocinar os artistas da Assim Somos, que também produz trabalhos em audiovisual sobre o universo das pessoas com deficiência para marcas, instituições e corporações interessadas em ampliar a participação nessa temática.


REPORTAGEM COMPLETA EM LIBRAS (EM GRAVAÇÃO)

Vídeo produzido pela Helpvox com a versão da reportagem na Língua Brasileira de Sinais gravada pelo intérprete e tradutor Gabriel Finamore.


Para receber as reportagens do #blogVencerLimites no Whatsapp, mande 'VENCER LIMITES' para +5511976116558 e inclua o número nos seus contatos. Se quiser receber no Telegram, acesse t.me/blogVencerLimites.

Publicidade

blogVencerLimites@gmail.comFacebook.com/VencerLimitesTwitter.com/VencerLimitesBR

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.