Publicidade

Publicidade

Iti, do Itaú, segue Nubank e lança recurso para organização financeira

Os clientes do banco digital podem estipular valores a serem alcançados para conquistar cada objetivo e personalizar a página dentro do aplicativo de acordo com suas necessidades

Por Luisa Laval
Atualização:

O iti Itaú, banco digital do Itaú Unibanco, lançou para toda a sua base de clientes a funcionalidade Minhas Metas, que pretende ajudar os clientes a organizar suas finanças pessoais. Com o recurso, será possível alocar recursos em diferentes saldos dentro da mesma conta e poupar com foco na realização de objetivos distintos, que poderão ser acompanhados separadamente. Nesta semana, o Nubank lançou um recurso similar para organização financeira em seu aplicativo.

PUBLICIDADE

Todos os saldos, juntamente com o da conta original, possuem ainda rendimento diário equivalente a 100% do CDI, o que significa uma remuneração superior à da poupança, e sem a cobrança de IOF. Os valores podem ser resgatados a qualquer horário, inclusive aos finais de semana, e as metas podem ser ajustadas sempre que for preciso.

Com o Minhas Metas, os clientes do iti podem estipular valores a serem alcançados para conquistar cada objetivo e personalizar a página dentro do aplicativo de acordo com suas necessidades, seja para uma viagem, reserva de emergência, cursos, a compra de um bem, entre outras. Dentro do app, os clientes também conseguem acompanhar quanto o dinheiro de cada meta está rendendo.

Os clientes do iti podem estipularos valores a serem alcançados para conquistar cada objetivo financeiro Foto: Werther Santana/Estadão

"A lógica de concentrar todo o valor em um único saldo pode dificultar a sua organização. Ouvimos muito e, numa jornada simples e extremamente eficaz, passamos a oferecer ao nosso cliente a possibilidade de separar o seu dinheiro do jeito que for mais conveniente, dentro da sua própria conta. Com isso, os clientes têm mais clareza e autonomia para atingir suas metas e objetivos, de forma simultânea e controlada", afirma João Araújo, diretor do iti Itaú.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.