Publicidade

Iveco tem encomendas de caminhões até janeiro de 2013

Por WLADIMIR D'ANDRADE
Atualização:

O diretor comercial da Iveco Latin America, Alcides Cavalcanti, disse nesta segunda-feira (1) que a empresa já encontra dificuldades em atender a demanda por caminhões nesse segundo semestre. Depois de uma acentuada queda no total de emplacamentos em 2012, o mercado já mostra uma recuperação. A Iveco, por exemplo, segundo o diretor, já tem encomendas para janeiro de 2013. "O modelo Stralis já tem encomenda para dezembro e janeiro", afirmou Cavalcanti, após encontro com jornalistas em que a Iveco anunciou a sua entrada no varejo do segmento de ônibus.De acordo com ele, as montadoras precisaram ajustar a produção aos altos níveis de estoques verificados no primeiro semestre. Agora, com o mercado mais aquecido, vai demorar de dois a três meses para as empresas adequarem sua produção para atender a demanda. "Mesmo os fornecedores, para contratar materiais e peças, não fazem isso rapidamente", disse Cavalcanti.O diretor comercial da Iveco afirmou ainda que a recente redução dos juros para financiamento de bens de capital pelo programa Finame, do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), de 5,5% ao ano para 2,5%, foi "o gatilho para dar uma virada no mercado". Ele disse que, além dessa medida, contribuiu para a retomada do mercado de caminhões sinais de recuperação da economia e o fim do receio do consumidor em comprar o caminhão com tecnologia EURO-5 que, no início do ano, enfrentava problema de abastecimento com combustível.

Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.