PUBLICIDADE

Publicidade

Na despedida de Juan, Flamengo estreia no Brasileirão contra o embalado Cruzeiro

Zagueiro levantou sua última taça da carreira no fim de semana passado e pendura as chuteiras neste sábado

PUBLICIDADE

Foto do author Marcio Dolzan
Por Marcio Dolzan

Atual vice-campeão brasileiro, o Flamengo estreia na competição neste sábado apontado como um dos favoritos ao título. De cara, porém, o time terá uma tarefa dura: superar o embalado Cruzeiro, que na semana passada conquistou o Campeonato Mineiro e vem de cinco vitórias seguidas na Copa Libertadores. A partida no Maracanã também marcará a despedida do zagueiro Juan, que aos 40 anos vai se aposentar do futebol.

A intenção no clube é que o defensor atue pelo menos nos minutos finais da partida, mas essa definição dependerá do andamento do jogo. A própria escalação do time é uma incógnita, já que o treino de sexta-feira, o último antes da partida, foi fechado.

Juan levantou a sua última taça pelo Flamengo no último fim de semana, a do Campeonato Carioca. Foto: Ricardo Moraes/Reuters

PUBLICIDADE

"A ideia é aproveitar a noite especial ao máximo possível. Não decidimos ainda em que situação eu vou jogar, até porque é um jogo importante para o Flamengo", disse Juan, que apesar disso mostrou alguma ansiedade. "Meu último contato com torcida tem tudo para ser uma noite especial."

O jogador reconhece que a equipe precisará demonstrar bom futebol, já que o Flamengo ficou devendo no meio de semana, quando foi superado pela LDU, no Equador, pela Libertadores. "O objetivo é ganhar, contra uma equipe invicta no ano, candidata ao título também. Isso se tornou ainda mais importante pelo que aconteceu na quarta (derrota para os equatorianos)", pontuou Juan. "O Flamengo fez um grupo para conquistar coisas grandes. Temos de reagir rápido."

Inicialmente, a intenção de Abel Braga era colocar um time misto contra os mineiros, mas a derrota na Libertadores - com a consequente vaga às oitavas de final ameaçada - fez o treinador rever seus planos. Assim, a tendência é de que o Flamengo vá a campo com praticamente força máxima. O único desfalque certo é o goleiro Diego Alves, com uma lombalgia.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.