PUBLICIDADE

Neymar faz 32 anos e web fala em fim da carreira, mas pede craque em times brasileiros

Torcedores relembram lances e feitos do camisa 10, mas confessam que tinham expectativas maiores do ainda ‘menino Ney’

Por Leonardo Catto
Atualização:

Neymar completa 32 anos nesta segunda-feira, dia 5. Afastado dos gramados desde outubro, o jogador tem repercutido cada vez mais por motivos fora dos campos. A idade acima dos 30 o aproxima cada vez mais de um fim da carreira. Para muitos, o brasileiro poderia mais. Ainda assim, nas redes sociais, os torcedores e fãs relembram feitos positivos na trajetória do astro.


Atualmente, o jogador se recupera de uma cirurgia de correção da ruptura do ligamento cruzado anterior e do menisco do joelho esquerdo, machucados em jogo da seleção brasileira pelas Eliminatórias da Copa de 2026, em que o Brasil está na sexta colocação. A previsão de retorno é agosto, o que impede Neymar de jogar a Copa América, que será entre os dias 20 de junho e 14 de julho. Recentemente, a aparência do jogador chamou a atenção. Neymar admitiu sobrepeso, mas negou “estar gordo”.

A comemoração entre fãs nas redes sociais volta-se mais ao passado do que ao futuro do craque. Uma página o comparou a Cristiano Ronaldo, que faz 39 anos também nesta segunda-feira. O post dizia que é mais fácil esperar futebol no futuro do português do que do brasileiro. Ainda assim, torcedores de Palmeiras (clube da infância de Neymar) e Santos (clube que o formou) pedem o retorno dele ao Brasil.

Carreira de Neymar

PUBLICIDADE

Neymar estreou no profissional em 2009, pelo Santos, onde foi tricampeão paulista, além de Copa do Brasil, Libertadores e Recopa Sul-Americana. Em 2013, foi para o Barcelona. Foram dois campeonatos espanhóis, três Copas do Rei, uma Supercopa da Espanha, uma Champions League e um Mundial de Clubes. Chegou ao Paris Saint-Germain como principal jogador, em busca do título continental, que não veio. Teve de se contentar com conquistas nacionais.

Desde a metade de 2023, Neymar está no Al-Hilal. Pela seleção brasileira, é o maior artilheiro da história, com 79 gols. Foi campeão da Copa das Confederações 2013 e dos Jogos Olímpicos de 2016, mas amarga derrotas nas três edições da Copa do Mundo que disputou (2014, 2018 e 2022).

Tudo Sobre
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.