Ataque de drone deixa três mortos em região russa na fronteira com Ucrânia

Desde o início do ataque russo de grande amplitude contra a Ucrânia, em fevereiro de 2022, a região de Belgorod tem sido alvo de um número crescente de ataques com drones e disparos de artilharia e de mísseis

PUBLICIDADE

Foto do author Redação
Por Redação

Um ataque com drone atribuído à Ucrânia deixou três mortos e três feridos na região russa de Belgorod, que faz fronteira com a ex-república soviética e é cenário frequente de bombardeios, indicou nesta segunda-feira, 26, o governador local.

PUBLICIDADE

“O exército ucraniano atacou um carro com ajuda de um drone camicase (...) Três civis morreram”, afirmou pelo Telegram Viacheslav Gladkov, que acrescentou que três pessoas foram hospitalizadas após serem feridas na explosão.

Segundo o governador, o ataque ocorreu na vila de Pochaevo, no oeste de Belgorod, próximo à fronteira ucraniana. No veículo atingido, viajavam trabalhadores do setor de construção, especificou.

Um soldado ucraniano operando um drone na linha de frente da guerra, na região de Donetsk, no leste da Ucrânia, em 15 de março de 2023. Foto: Tyler Hicks / NYT

Desde o início do ataque russo de grande amplitude contra a Ucrânia, em fevereiro de 2022, essa região tem sido alvo de um número crescente de ataques com drones e disparos de artilharia e de mísseis.

Centenas de pessoas foram removidas da cidade de Belgorod, capital regional, depois de um bombardeio que causou 25 mortes no fim de dezembro. Foi o ataque mais sangrento contra civis na Rússia desde o começo da ofensiva contra a Ucrânia.

Pilotos de drones do exército ucraniano treinam para usar o drone rotativo Kazhan, que é carregado com garrafas plásticas cheias de areia como pesos, na região de Dnipro, na Ucrânia, em 7 de agosto de 2023.  Foto: Brendan Hoffman / NYT
Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.