Adolescente morre atropelado em saída de festa rave

A polícia de Ribeirão Preto irá investigar a morte do adolescente Ruben Falconi de Oliveira, de 16 anos, que foi atropelado na madrugada de hoje, no estacionamento de uma festa rave, no Jardim Orestes Lopes de Camargo, na cidade do interior do Estado de São Paulo. O autor do atropelamento, o estudante Alexandre Luís Maturana, após depor no 2º Plantão Policial, foi liberado. O caso foi registrado como homicídio culposo (sem intenção de matar), mas a família de Oliveira acredita que o atropelamento tenha sido intencional, pois o jovem teria sido confundido como um ladrão que teria tentado furtar o aparelho de som do veículo de Maturana. Um primo de Oliveira disse à polícia que ambos caminhavam quando o carro foi jogado sobre a vítima. Maturana alegou que Oliveira teria se jogado na frente de seu carro e que fugiu do local com medo de ser linchado. Oliveira morreu na hora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.