Barrick fecha acordo para comprar produtora de cobre Equinox

A Barrick Gold Corp informou nesta segunda-feira que fechou um acordo para comprar a mineradora australiana de cobre Equinox Minerals por 7,3 bilhões de dólares canadenses (US$7,68 bihões) , superando a oferta da chinesa Minmetals Resources em 16 por cento.

REUTERS

25 de abril de 2011 | 12h28

Maior mineradora de ouro do mundo, a Barrick busca ampliar a sua participação no setor de cobre em um momento em que a commodity está perto de máximas históricas.

A empresa, com sede em Toronto, afirmou que a Equinox concordou em ser adquirida por 8,15 dólares canadenses por ação, um prêmio de 8,7 por cento sobre o fechamento de quinta-feira.

De acordo com dados da Reuters, a Equinox tem cerca de 879,5 milhões de ações em circulação, o que deixaria o negócio avaliado em cerca de 7,3 bilhões de dólares canadenses.

A Minmetals ofereceu no início do mês comprar a Equinox por 7 dólares canadenses por ação, mas a mineradora australiana considerou a proposta baixa.

A Equinox tem ativos de cobre importantes na África e na Arábia Saudita que a torna atraente para grandes mineradoras.

O presidente-executivo da Barrick, Aaron Regent, disse que o acordo melhorará a exposição da companhia em cobre num ambiente de preços fortes para a commodity.

"Junto com nossa mina Zaldivar e o projeto Cerro Casale no Chile, essa aquisição posicionará a Barrick com importante potencial de crescimento em duas das mais promissoras regiões de cobre do mundo", afirmou Regent.

(Reportagem de Michael Erman)

Mais conteúdo sobre:
MINERACAOCOBREBARRICK*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.