Correção: adutora rompe-se na zona oeste de São Paulo

A nota enviada anteriormente contém um erro de informação no título. A adutora rompeu-se em uma avenida da zona oeste e não da zona norte. O texto estava correto e segue novamente:Uma adutora da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), instalada na Rua João Ramalho, na zona oeste de São Paulo, rompeu-se na manhã de hoje e provocou o vazamento de grande volume de água, alagando a Avenida Sumaré, uma das principais vias da região. Em razão do rompimento da adutora, parte do asfalto da Rua João Ramalho cedeu e a via ficou intransitável. Por volta das 7h30, o tráfego de veículos na Avenida Sumaré era lento, com muita água na pista. O trânsito ficou complicado na região, uma vez que a Avenida Sumaré é um corredor que liga a zona oeste à zona norte da cidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.