Japão pede ajuda internacional contra grupo ambientalista

O Japão pediu ajuda a Austrália, Nova Zelândia e Holanda para tentar frear as ações da ONG ambientalista Sea Shepherd. As ações do grupo, que combate a caça às baleias, obrigaram o governo japonês a suspender a temporada de caça mais cedo neste ano.

AFRA BALAZINA e ANDREA VIALLI, com EFE,

19 de fevereiro de 2011 | 00h37

O ministro de Relações Exteriores do Japão, Seiji Maehara, afirmou aos embaixadores dos três países que sente "profundo pesar" pelas ações do grupo contra os navios baleeiros japoneses. "As ações dos membros da ONG ameaçam a vida das tripulações", disse o ministro. Desde 2005, o Sea Shepherd combate a pesca das baleias na Antártida e entra em confronto direto com os navios japoneses.

PETRÓLEO

Chevron entra com recurso contra multa

A empresa petrolífera Chevron, acusada de causar graves danos ambientais na Amazônia, apresentou recurso contra a decisão de uma corte do Equador que condenou a companhia americana a pagar mais de US$ 9,5 bilhões. A condenação se refere a impactos causados na floresta equatoriana entre 1964 e 1990 pela Texaco, posteriormente adquirida pela Chevron.

PARCERIA

Estado e ONG juntos pela conservação

A ONG The Nature Conservancy (TNC) assinou um termo de cooperação com a Secretaria do Meio Ambiente de São Paulo para aprimorar as políticas de conservação dos recursos naturais no Estado. A Cantareira e a bacia dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí serão regiões contempladas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.