Menor é preso no Rio após assaltar estudante com granadas

Um jovem de 17 anos foi preso na quinta-feira pela polícia do Rio de Janeiro depois de usar duas granadas para assaltar uma estudante em um ônibus na zona norte da cidade.

REUTERS

16 Julho 2009 | 20h54

Ney Marcos Gomes de Farias e um comparsa chegaram a colocar duas granadas no colo da estudante para obrigá-la a entregar objetos de valor e uma mochila. Eles ameaçaram detonar as granadas caso a jovem não entregasse os pertences.

Os assaltantes desceram do ônibus após o assalto, mas a vítima conseguiu acionar a polícia em seguida, e o rapaz foi preso. O comparsa dele, que também seria menor de idade, escapou.

"Ele disse ser da favela Vila dos Pinheiros e foi para a Ilha do Governador (bairro) para roubar veículos", disse a delegada responsável pelo caso, Leila Goulart.

Segundo a delegada, Ney tem passagens pela polícia por roubo de veículos.

(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)

Mais conteúdo sobre:
GERALGRANADASRIO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.