Quadrilha que traficava armas é desmantelada em MS

Uma quadrilha formada por membros do clube de tiro de Campo Grande e armeiros clandestinos foi parcialmente desmantelada hoje pela Polícia Federal de Mato Grosso do Sul. O grupo negociava armas de médio e grosso calibres contrabandeadas e sem origem definida, além de munições e acessórios como mira laser e silenciadores.

JOÃO NAVES DE OLIVEIRA, Agência Estado

23 de junho de 2010 | 18h52

Cidades do Mato Grosso do Sul pouco habitadas e na fronteira com o Paraguai, no extremo sul do Estado, eram utilizadas como entreposto do armamento ilegal. A partir desses locais o material chegava até Campo Grande, onde era negociado pelos acusados. Três deles foram presos, mas até o final da tarde de hoje os nomes dos compradores não foram revelados. Na ação da polícia foram apreendidas quase 100 armas, entre fuzis, metralhadoras, mosquetões e pistolas semiautomáticas.

Tudo o que sabemos sobre:
armascontrabandoMato Grosso do Sul

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.